segunda-feira, 1 de julho de 2013

A BÍBLIA PROÍBE SEXO ORAL E SEXO ANAL?


Acho que essa é a pergunta que eu mais recebo por e-mail. É um tema bem polêmico, principalmente na igreja. Gostaria de deixar bem claro que eu não sou a dona da Verdade e o único que a detém é Deus. Entendo que devemos buscar e lutar pelo o que é bíblico e não doutrina de homens. Se você discordar dos pontos aqui contidos e tiver um embasamento maior do que o apresentado nesse pequeno texto, fique à vontade para expor suas opiniões nos comentários. Também é necessário dizer que esse é um tema que merece uma análise mais detalhada e o que fiz aqui foi só uma rápida exposição das coisas que tenho aprendido, estudando o tema há algum tempo. A análise mais aprofundada e criteriosa você vai encontrar no livro que lançaremos muito em breve.

O que mais há no meio cristão é a falta de informação. Isto tem destruído o povo de Deus em todas as áreas: financeira, familiar, física, espiritual, emocional e também na vida sexual. Nesta última, é triste evidenciar que a vida sexual cristã, para a maioria dos casais, é totalmente privada de prazer e frustrada por pelo menos um dos cônjuges.

O que esta acontecendo com o povo de Deus? O que as igrejas nunca mostram e até evitam tocar no assunto por tabus, ignorância e hipocrisia é que 86% dos divórcios entre evangélicos estão ligados à disfunção e incompatibilidade sexual. Uma vida matrimonial frustrada no sexo é o estopim para todos os outros desentendimentos.

Posso isso? Posso aquilo? Tem gente que acha errado, tem gente que acha que é certo. Existem muitos "achismos" por aí e pouco embasamento bíblico. Se eu fosse apenas expressar minha opinião, diria que sou do time das pessoas que acham que essa decisão é do casal - se os dois estão afim e em comum acordo, não vejo o menor problema. Já havia perguntado isso para o Pastor Silas Malafaia (que tem meu total respeito, muito embora eu discorde dele no quesito "finanças" - que não tem nada a ver com esse tema) por e-mail, e ele me respondeu exatamente isso:

"Defendo que, se foi Deus quem instituiu o casamento e se Ele, que poderia, não interfere na intimidade do casal, pessoa alguma tem autoridade para ditar o que é permitido ou não na relação conjugal."

Se o seu marido te obriga a fazer o sexo oral, não existe amor, então está errado. Agora, se você sabe que para ele é prazeroso e faz para agradá-lo, sem culpa nenhuma, não há problema. Isso quer dizer que se você quiser ou não quiser praticar isso, é uma escolha só sua com o seu marido. É claro que se você não concorda com essas práticas sexuais, deve estar achando estranho que um pastor tão esclarecido (e que já participou de comissões responsáveis pelas traduções da Bíblia) diga uma coisa dessas, já que a Bíblia é "tão clara" sobre essas coisas, né? Neste texto, vamos tentar o máximo possível deixar as opiniões pessoais de lado e usar a Bíblia Sagrada para buscar as respostas.

Esses temas que envolvem a sexualidade são cercados de tabus na sociedade moderna, principalmente no que diz respeito ao meio evangélico onde esses temas chegam a ser "satanizados". Contudo, a sexualidade é um assunto bem abordado pela Bíblia, tendo inclusive um livro predominantemente erótico, o livro de Cantares de Salomão, que em segundo plano prefigura Cristo e a Igreja. 

Portanto, quando abordamos a questão da sexualidade humana, como cristãs, temos, em primeiro lugar, que recorrer à Bíblia. Apesar de não ser um “guia sexual”, com certeza tem muito a nos ensinar nesta área. A princípio, vale a pena lembrar, que o sexo é uma criação divina. Não foi o diabo quem criou os órgãos sexuais, não foi ele quem nos implantou os hormônios sexuais. Deus nos fez seres sexuados, nos criou com distinção sexual: macho e fêmea. E após ter criado, disse que era muito bom o que tinha feito. E nos deu a ordem: crescei e multiplicai. É, portanto, o sexo uma criação do próprio Deus, que se deu, inclusive, antes da introdução do pecado na família humana. 

Na intimidade do casamento há uma inocência erótica presumida, uma completa ausência de culpa. Não existe vergonha nessa relação, mas sim uma realização mútua, pois este é o propósito de Deus para os cônjuges que estão sob a benção divina. 

Todos nós temos conceitos preestabelecidos sobre várias coisas. Muito do que entendemos sobre sexo é consequência da forma como fomos criados. O que precisamos entender é que existem preceitos ordenados por Deus e doutrinas criadas por homens. Precisamos deixar cair o véu da ignorância e isso só será possível mediante rigorosa análise e correta interpretação das Escrituras. Afinal, não queremos ser chamados de “bitolados” (pessoas que tem uma crença sem saber o porquê e que não admitem outros pontos de vista), né? Eu pelo menos gosto de saber em quê eu creio e por quê eu creio.

Para começar essa análise, com base em textos bíblicos, estabeleci dois princípios da intimidade da relação segundo o padrão de Deus (existem outros, mas foquei nesses para tentar iniciar uma resposta à essa questão): 

1º PRINCÍPIO: Deve a mulher satisfazer sexualmente seu marido, e este deve satisfazer sexualmente a sua mulher. "O marido pague à mulher o que lhe é devido, e do mesmo modo a mulher ao marido". (1 Co 7.3). No casamento os cônjuges devem buscar a realização mútua através do amor. Não é a mulher objeto sexual do homem, assim como não é o homem objeto sexual da mulher, ambos mutuamente devem realizar-se. Neste ponto eu posso dizer, pela experiência que tenho lidando com mulheres casadas, que uma parcela muito grande delas nem sequer sabe o que é um orgasmo de verdade. Muitas acham que o prazer sexual em si é um orgasmo e nunca chegaram perto de um “ápice” sexual. O pior é que muitos maridos também não entendem, afinal, se a mulher não se conhece, como poderá dizer ao marido o que ele deve fazer para satisfazê-la? 

2º PRINCÍPIO: No casamento os cônjuges são livres para lutarem e crescerem no prazer e no corpo um do outro, até atingirem o limite máximo. A mulher não tem autoridade sobre o seu próprio corpo, mas sim o marido; e também da mesma sorte o marido não tem autoridade sobre o seu próprio corpo, mas sim a mulher. (1 Co 7.4) Deus entende o mistério da intimidade, e tudo que for praticado dentro do casamento deve gerar amor e satisfação mútua. Não estamos numa relação para sermos julgados por ninguém, apesar de alguns se acharem na condição de julgar outros casais. 

Os pontos erógenos mais sensíveis são diferentes para cada pessoa e provocam reações diversas à estimulação. A melhor forma para descobrir o próprio “mapa erógeno” e o do cônjuge é a exploração mútua.

Muitas pessoas desinformadas que não sabem o significado de hermenêutica bíblica ou exegese pegam textos e os interpretam ao seu bel prazer, transferindo para a Bíblia suas convicções pessoais. Temos que aprender a separar convicções pessoais (aquilo que eu acho certo ou errado), daquilo que realmente Deus nos ensina. Já ouvi alguém dizer: “a mesma boca que você usa para evangelizar não pode ser usada para algo desse tipo”. Essa pessoa parte do princípio de que é algo “sujo” o órgão sexual do cônjuge ou o próprio ato sexual, sendo que deveria encarar como algo santo (a palavra SANTO significa "separado por Deus" e é exatamente isso que Deus fez com o sexo, o separou para ser um momento sublime dentro do casamento). 

Em toda a Bíblia quando Deus se refere “deixar o uso natural, contrário à natureza”, se você observar bem o contexto, Ele está se referindo à homossexualidade e não estipulando limites dentro do casamento. Deus limitou algumas coisas em relação à sexualidade do ser humano: sexo fora do casamento (antes do casamento = fornicação, prostituição; estando casado = adultério), homossexualidade (“paixões infames”; “mudando o uso natural”), sexo com animais, incesto, etc... mas dentro do casamento ambos estão sob uma bênção e não só podem, mas como devem explorar as zonas erógenas um do outro (todas as partes do corpo que possuem terminações nervosas que provocam o desejo sexual), desde que haja consentimento mútuo.

Ah Karol, até aí tudo bem, mas e o versículo mais polêmico que fala de "sodomia"? Sobre isso o versículo que gera debate é o de 1 Cor 6:9-10:

"Ou não sabeis que os injustos não herdarão o reino de Deus? Não vos enganeis: nem impuros, nem idólatras, nem adúlteros, nem efeminados, nem sodomitas, nem ladrões, nem avarento, nem bêbados, nem maldizentes, nem roubadores herdarão o reino de Deus". (Tradução de João Ferreira de Almeida)

Agora eu vou falar de algo que a maioria dos cristãos está por fora (justamente por falta de conhecimento e pesquisa) e tentar esclarecer isso:


Sodomita. Essa palavra tem origem na descrição Bíblica de Sodoma e Gomorra. Estudos bíblicos mais recentes entendem que o pecado de Sodoma é a injustiça e a anti-hospitalidade. Outra teoria diz que o motivo da ira Divina sobre Sodoma e Gomorra, era o abuso sexual e a intenção de fazer o mal ao próximo. Esses estudos pregam que os sodomitas eram tão perversos que desejavam humilhar os forasteiros, abusando-os pela simples razão de serem estrangeiros. E dizem ainda que a intenção dos habitantes pode ser entendida apenas como vontade de fazer o mal. De fato, Ezequiel faz essa interpretação dos sodomitas: "Ora, este foi o pecado de sua irmã Sodoma: ela e suas filhas eram arrogantes, tinham fartura de comida e viviam despreocupadas; não ajudavam os pobres e os necessitados (Ezequiel 16:49).

Ok Karol, mas isso não muda o fato de estar escrito "sodomitas" e hoje em dia o sentido ser outro no meu dicionário. Tudo bem, o objetivo até então foi o de mostrar que alguns termos mudam de maneira significativa seu significado, ou pelo menos há uma distorção da interpretação. Para que ninguém pense que isso é “forçar a barra”, vamos pegar outro exemplo clássico à esse respeito: 


Se você parar algumas pessoas na rua para perguntar o que elas acham que significa a palavra Prostituição, possivelmente todas ou quase todas dirão que é vender o próprio corpo em troca de dinheiro, ou seja, favores sexuais por dinheiro. Contudo, segundo a Bíblia, basta que um namorado faça sexo com a namorada para ambos estarem fornicando e se prostituindo, pois prostituição é o ato ou prática de relações sexuais promíscuas, ou seja, desordenadas segundo o padrão bíblico (e não somente quando é cobrado pelo sexo). Se Deus manda casar e só depois fazer sexo, descumprir essa ordem é prostituição. Se Deus manda não cometer adultério, quem o fizer estará se prostituindo. Dessa forma podemos entender que o enfoque mudou em relação à abrangência original do significado. Esse era o sentido original, mas com o passar do tempo a palavra foi ganhando um certo direcionamento a ponto de ninguém mais associar seu significado ao sexo desregrado segundo os padrões bíblicos e tão comente à venda do corpo por dinheiro (exceto quem lê e estuda a Bíblia). Quando um visitante entra em uma igreja e ouve o pastor ou padre falando que as pessoas não devem continuar na prostituição, o que será que a pessoa vai pensar? "Opa, isso não é comigo, final, eu não vendo meu corpo, nem contrato prostitutas!" É exatamente por esse motivo que é necessário uma constante atualização das traduções bíblicas, para que o sentido original não se perca

Tudo bem, se tudo o que eu disse até agora não foi o suficiente para que você se convença da realidade, vamos nos ater aos fatos e nos aprofundar mais um pouco: a tradução do grego (em algumas versões) também foi mal interpretada (tanto que a maior parte das novas versões vêm corrigindo esse erro!). Vamos esmiuçar mais um pouco. Na passagem de 1 Cor 6:9-10, temos dois termos nos escritos originais que chamam a atenção:

“Não vos enganeis: nem impuros, nem idólatras, nem adúlteros, nem "malakoi", nem "arsenokoitai", nem ladrões, nem avarentos, nem bêbados, nem maldizentes, nem roubadores herdarão o reino de Deus.”

Ambos os termos estão próximos e não é atoa, pois tratam de duas facetas da mesma coisa - homossexualidade! A palavra grega "malakoi" significa homossexuais passivos, o equivalente a “homens e meninos que se permitem serem usados sexualmente”. Já "arsenokoitai" significa o contrário: homossexuais ativos, pessoas que geralmente preferem desempenhar um papel mais dominante durante o sexo. Aí é que se encontra a grande confusão, pois o termo “arsenokoitai” foi traduzido pela versão mais popular da Bíblia em português (Ferreira de Almeida) como “sodomitas”, numa referência histórica ao comportamento homossexual generalizado de Sodoma e Gomorra. O problema é que essa tradução gerou interpretações modernas errôneas, por isso, a maior parte das novas versões vem atualizando essa tradução de maneira a não causar confusão e chegar o mais próximo possível do sentido original.

Desta forma, a tradução mais explícita e correta é: “Não se deixem enganar: nem imorais, nem idólatras, nem adúlteros, nem homossexuais passivos, nem os homossexuais ativos, nem ladrões, nem avarentos, nem alcoólatras, nem caluniadores, nem trapaceiros herdarão o Reino de Deus” (1 Co 6.9-10).

Uma das minhas Bíblias aqui em casa até reduz os dois termos em apenas um: homossexuais. Para que não haja dúvidas, estou falando da Nova Bíblia Viva (uma das versões mais populares da atualidade e que vende em qualquer loja evangélica do país).

Odayr Olivetti, um dos tradutores de outra versão (que corrobora com essa mudança), explica que “a comissão procurou fazer uma tradução clara, distinguindo bem os termos, e se respaldou não só na abrangência geral dos termos gregos, mas também no contexto geral das epístolas paulinas".

Enfim, essa passagem bíblica não se refere ao sexo anal feito entre marido e mulher com consentimento mútuo e prazer. Os dois termos foram empregados lado a lado para enfatizar que tanto os homossexuais ativos como os passivos estão no erro! Se o que falamos aqui não for suficiente, estude os textos bíblicos nos idiomas originais. É fácil hoje comprar em qualquer loja evangélica uma versão original na Bíblia ou do Novo Testamento em grego e verificar estas palavras. Compre também um dicionário, veja as raízes das palavras no grego.


Se não é pecado, eu tenho que fazer? Calma lá, eu não disse isso! Há coisas no nosso dia-a-dia que a Bíblia não condena, mas mesmo assim optamos por não fazer. Afinal, “todas as coisas me são licitas, mas nem todas as coisas me convêm”. Nosso papel agora é analisar se “convém” adotar essas práticas. Antes de nossa opinião final sobre o assunto, quero abordar somente mais um aspecto: o fisiológico

Alguns médicos dizem que a prática frequente do sexo anal pode afrouxar os músculos do ânus e esfíncter. Esses profissionais expõem que se a relação anal for introduzida no cotidiano do casal, em um período longo de anos isso poderá levar a uma incapacidade total de retenção de fezes ou gases intestinais (principalmente se levarmos em consideração que já existe uma redução normal do controle dos esfíncteres com a idade avançada). Em português claro, se a esposa tem menos de 30 anos e fizer sexo anal com muita frequência, pode ser que aos 50 ou 60 ela faça cocô nas calças (tendo que usar fraldas) e o pum vai passar direto! Pode parecer engraçado, mas a situação é séria. Não quero aterrorizar ninguém, mas precisamos abordar o assunto de ângulos diferentes, para chegarmos a uma conclusão. 

Nessa mesma linha, precisamos entender que homens e mulheres se expõem a alguns perigos quando acontece o coito anal (se não houver proteção). Para os homens existe o risco de infecção da uretra, que aumenta consideravelmente em decorrência do contato com micro-organismos quase sempre presentes no ânus ou no reto. As infecções mais frequentes são a uretrite e a hepatite B. Para mulheres, a implicação mais frequente é a vaginite, causada por bactérias ou fungos que passam do ânus à vagina, levados pelo pênis ou pelo dedo. 

Vamos ao que realmente interessa: a maioria dos cristãos não tem dúvidas de que é lícito fazer sexo oral (tanto que até deixamos ele um pouco de lado aqui na argumentação), mas com relação ao sexo anal temos que levar em consideração mais uma coisa, que na verdade é a grande questão entre homens e mulheres no casamento: a DOR e o SOFRIMENTO! Esse sim deveria ser o “X” da questão. Esqueçamos por um momento o sexo anal e vamos falar de AMOR. Neste ponto, falo particularmente para os maridos: O amor não faz mal ao próximo. Se você ama sua esposa, não vai ter prazer em vê-la sofrer, vai? Se você se diz cristão, o Espírito Santo habita em você e isso provavelmente vai te incomodar bastante. Às vezes, o desejo acaba passando por cima deste incômodo. O conselho que costumo dar a estes homens é: O amor não faz mal ao próximo, e se sua mulher sofre com o sexo anal, por amor a ela (e a Deus), você não deve fazer. É importante que vocês conversem sobre essa sua necessidade e orem juntos por isso. Lembre-se que ela é o "vaso mais frágil" e tem, portanto, preferência na relação.

É claro que recebo vários e-mails de mulheres dizendo que sentem prazer nesse tipo de relação, portanto, não podemos ignorar o fato de que nem sempre é o homem que insiste, às vezes a mulher é que quer (posso até não compreender isso, mas respeito e aceito esse fato na hora de aconselhar). Imagino que essas mesmas pessoas estão doidinhas para me mandar um e-mail perguntando: “E se o sexo anal entre marido e mulher for feito de vez em quando, com consentimento mútuo, usando camisinha para evitar infecções (sem posterior penetração vaginal) e sendo prazeroso para ambos

Do ponto de vista fisiológico, se for “de vez em quando” e com camisinha, não há riscos à saúde, portanto, não haverá danos ao corpo (Templo do Espírito). E se for feito com consentimento mútuo para que ambos sintam prazer, não haverá falta de amor.

Existem muitas coisas que a Bíblia não proíbe, mas as pessoas decidem não fazer. Nós vimos nesse "mini-estudo", preparado por mim e por meu marido, que a bíblia não proíbe o sexo anal (nas condições aqui apresentadas), muito menos o sexo oral. Entendemos que se tudo for feito da maneira correta e nas condições supracitadas, não há dano físico. Este é o momento em que muitos gostariam de ouvir: “então vai lá e manda ver”. A maioria está esperando uma simples resposta: "sim, pode fazer" ou "não, não faça isso!". 
Contudo, existem outros aspectos que ainda influenciam a decisão do casal. Não tenho a intensão de decepcioná-los, mas meu papel aqui não é dizer se você deve ou não fazer alguma coisa. Minha intenção é remover uma possível ausência de conhecimento sobre o assunto, para que com a verdade vocês tenham liberdade de decidir o que querem fazer. O conhecimento nos liberta da ignorância. Estudem, leiam e principalmente, aprofundem sua fé. De fato, essa é a melhor dica que eu posso dar: busquem intimidade com DeusFazer isso ou aquilo não atrapalha o relacionamento de vocês com Deus? Conseguem ficar em paz? Então faça. Se mesmo lendo tudo o que foi exposto aqui você ainda entende que isso te afasta de Deus, então não faça.

As passagens do Novo Testamento que ensinam sobre o relacionamento sexual entre marido e esposa começam ou terminam com uma ordem de mutualidade. Cada um deles precisa ter suas necessidades satisfeitas, e isso significa que ambos devem descobrir o que é agradável para o outro. A intimidade de nenhum casal serve de paradigma para todos os demais. Se você é feliz em seu casamento, continue, seja cada vez mais. 

Creio sinceramente e reafirmo que nenhum pastor, padre, psicólogo ou amigo pode intrometer-se na intimidade do casal. Nenhuma pessoa deve ensinar mais do que a Bíblia ensina, nem proibir o que a Bíblia não proíbe. Repito: não podemos confundir convicções pessoais com a vontade de Deus. Temos que aprender a pegar a nossa Bíblia, lê-la e interpretá-la, usando nosso intelecto e pedindo orientação a Deus. Saiba que antes de tudo, você precisa se sentir bem (e em paz!) com o que está fazendo. Não adianta alguém determinar o que é certo ou errado pra você, dentro do seu casamento. Vocês me pediram uma opinião e eu estou dando. Mas não deixe que ninguém (inclusive eu) determine o que você vai fazer ou deixar de fazer. Nem Deus fez isso, não deixe que algum ser humano imponha esses limites. Apenas viva em paz com Deus, dentro dos seus princípios e feliz com a pessoa que se uniu a você! 



Marido tem liberdade pra pedir o que quiser, e eu tenho liberdade pra aceitar o que eu quiser.

97 comentários :

  1. Certo dia conversando com meu pastor juntamente com meu esposo e mais 2 casais, surgiu o assunto:O que pode e que não se pode fazer em uma relação sexual?
    Meus pastor foi bem simples em dizer:Tudo e nada depende da vontade do casal se os dois estão de acordo pode se fazer o que bem entender.Deus não condena desde que estiverem de acordo.



    Adorei Karol^^

    ResponderExcluir
  2. Tirou todas minhas dúvidas...amei :)

    ResponderExcluir
  3. Ficou bem esclarecido!

    ResponderExcluir
  4. Amei a explica¢@o.

    ResponderExcluir
  5. DIscordo: Acredito que a bíblia tem resposta pra tudo. Qto ao sexo oral o livro de cantares refere-se sim, dando a entender que a bíblia não vai de contra. Porém qto ao sexo anal a bíblia diz no A.T que o homem não pode usufruir da mulher com um cão usufrui de uma cadela. Esse texto que meu marido leu é claríssimo. Fora q em inúmeros outros versos,a bíblia dá show no fato de mostrar que o homem deve honrar a mulher como vaso mais frágil. Acredito q todos sabem que isso prejudica sim a mulher e convenhamos todos sabemos (leio mto) que há comprovações científicas que não causa prazer algum a mulher, é mais pra agradar o conjuge, q acredito q deve aprender a honrar o vaso fragil que é mulher. Enfim, mas aí é bom senso. É ele exercer o amor com o qual Cristo amou a igrj. Cristo não fez nada q nos causasse dano e ele não quer sacrifício. Não vou me delongar.. mas quero deixar claro q não entendi o Malafaia diz, uma vez q se contradiz. Se "Sodomia de acordo com o Dicionário Aurélio: perversão sexual; coito anal; pederastia; relações sexuais entre homens." (o q creio com crtz q é isso msm até pela origem do hebraico, e sendo assim essa prática é ABOMINÁVEL AO SENHOR) pq ele acha q "pode tudo" com diálogo entre os conjuges? Pra mim isso é jargão do mundo. Espero q ele não esteja no rol dos pastores q agem de acordo com o q o povo ker ouvir, ou de acordo com o q deseja fazer, mas q diga de acordo com o q a palavra diz! Ele se contradiz, ao revelar q a palavra diz algo, q a biblia estipula algo acerca de sodomia, mas "acha" q o casal deve "agir" de acordo com o q acreditam..e fomos chamados para dar vazão a emoções e agir na independência de Deus? CONTINUO CRENDO QUE obedecer o q Deus nos ensinou é sempre o melhor ainda q com custo de renúncias! PAZ!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi anônimo,
      Me desculpe, mas discordo absolutamente quando diz que "é mais para agradar o cônjuge".
      Sinceramente não sei aonde você encontra suas leituras mas até mesmo em conversas informais vejo muitas mulheres afirmando que sentem prazer nesse tipo de relação sim.
      Inúmeras pesquisas científicas afirmam isso também.
      E pense por um outro prisma, se fosse ruim mesmo como acredita, tantas pessoas seriam adeptas??? Haveria tanta homossexualiade?? Com certeza que não.
      Também concordo que a Bíblia tem resposta para tudo. Mas depende principalmente da interpretação, do que se busca e do quão se está aberto para o que se quer saber.
      O que não pode faltar nunca é sim o respeito à mulher. Sendo ela quem define até onde o esposo pode ir.
      E, sinceramente, se um casal decide de comum acordo, quem somos nós para criticar se ele estão felizes??

      Excluir
    2. Sodomia de acordo com o Dicionário Aurélio: perversão sexual; coito anal; pederastia; relações sexuais entre homens. Entendo que relações sexuais entre HOMENS, significa homem com homem e não homem com mulher.

      Excluir
    3. Sei que opinião cada um tem a sua, não frequento igreja nenhuma mas adoro o blog e ainda assim leio a biblia pq acredito que religião nenhuma leve a Deus e sim o que temos no coração.
      Acho que o temos sim que ter a conciencia limpa e se você acha que não deve fazer, não faça. Mas dizer que é satisfação apenas do marido não é verdade! E concordo que se você leu em algum lugar no antigo testamento coloque o nome do livro capitulo e versiculo pois eu gostaria de ler tambem.

      Excluir
    4. Gostaria de saber onde se encontra a passagem que diz que o homem não pode usufruir da mulher como um cão (primeira vez que eu escuto isso). Se está na Bíblia você deve citar onde se encontra!!!

      Karol eu te enviei uma pergunta desse tipo e a sua resposta foi muito esclarecedora. E você usou textos bíblicos onde esclarecem perfeitamente. Por isso devemos ler a Bíblia com cuidando para não nos enganar-mos e nem enganar-mos os outros com a nossa interpretação muitas vezes equivocada.
      Parabéns karol!!!

      Excluir
    5. OLHA Qta gnt qUE gosta em..e pior td crente..XENTEE!! eu concordo com o anony, mudar uso normal do corpo é errado sim, é sodomia sim, e pratica de gays sim, e DEus nao criou homem e mulher pra isso.. nao e demonizando o sexo como muitos vão querer falar, mas pra Deus sexo é vaginal queira vcs ou nao. Nem precisa ser evangelica pra saber, ate os padres pregam isso!

      Excluir
    6. Eu tinha absoluta certeza que seria um tema controverso e que muitas pessoas que dizem "amo tudo o que vocês escrevem" não iriam gostar muito. Mas eu não estou aqui para afagar o ego de ninguém e nem tomar partido de opiniões infundadas. Não estou aqui para ser popular e sim para falar aquilo que eu considero a verdade (e sabendo que eu não sou a dona da verdade.

      Dedico minha vida a entender o máximo possível sobre casamento e a vontade de Deus para o casal. Não sou legalista, mas desejo cumprir a vontade de Deus em tudo. Existem muitos pastores que concordam comigo, outros não. Existem pessoas ou mesmo pastores que sabem das coisas que aqui coloquei, mas que preferem deixar "pra lá" esse tema, para não perderem a popularidade. Existem muitas pessoas que entendem o que eu quis dizer e outras que julgam sem entender.

      Ninguém concorda 100% com ninguém. Acho também que eu fui bem clara quando eu disse que eu não sou dona da verdade e que essa conclusão sobre o tema é por tudo que eu já estudei a respeito e que se alguém tivesse uma base melhor para justificar um pensamento, que poderia opinar. Estamos abertos à analisar outros pontos de vista (com fundamento) e repensar nossa posição, contudo, por tudo que estudamos até hoje, esse texto resume a conclusão sobre esse assunto.

      Ana Maria: Com todo o respeito, acho que você não leu o texto. "Até a Wikipedia sabe" e eu também sei o significado de Sodomia, mas a questão abordada no texto foi justamente dando ênfase que o objetivo de alguns tradutores da Bíblia foi outro (falar das práticas homossexuais) e que tanto isso é verdade que as traduções mais atualizadas não trazem mais essa palavra. Não se trata de deixar de ser pecado algo que era pecado ou adulterar a Bíblia. O motivo para as palavras utilizadas sofrerem atualizações é justamente para, dentro do contexto em que vivemos e no contexto dos significados, as palavras chegarem o mais próximo possível do verdadeiro sentido. No texto eu abordo justamente o fato de que muitas novas Bíblias não trazem mais essa palavra e justifico o porquê mostrando a tradução do original. Se você tiver algum estudo ou teoria mais EMBASADA do que essa (que pessoas do calibre do Pastor Silas Malafaia também aceitam), por favor, nos informe para que possamos analisar, afinal, as escrituras servem para serem constantemente analisadas e interpretadas. Como eu disse, ninguém sabe tudo. Estou aqui para aprender e transmitir as coisas que já aprendi. Acredito que compartilhar conhecimento é válido.

      Eu não quero dar um nó na Bíblia para justificar aquilo que eu considero verdade, muito pelo contrário. Se eu entendesse que é errado e que a bíblia proíbe não faria a menor diferença pra mim. Contudo, eu busco me aprofundar para descobrir o que realmente a Bíblia diz para não falar bobagens infundadas para as pessoas que me perguntam.

      Sei da responsabilidade que Deus nos confiou nesse ministério e desejo corresponder, sempre pesquisando e procurando entender a fundo a Palavra do Senhor. Você acha que não seria muito mais fácil pra mim dizer "é pecado e pronto"? Você acha que eu não sei que perco "popularidade" com análises mais aprofundadas como essa? Pois é, mas a minha responsabilidade em expor as verdades que descubro na Palavra de Deus é muito mais importante do que ser "politicamente correta" ou agradar a todos.

      Excluir
    7. Quero orientar da melhor maneira possível, inclusive não disse que ninguém deva simplesmente fazer de qualquer forma e a todo custo (basta ler todo o texto). E também disse que o fato de não ser pecado não significa que eu tenha que fazer ou precise fazer, muito pelo contrário, disse que cada casal tem suas particularidades e desejos e que em tudo devemos nos submeter à orientação do Espírito Santo.

      Saiba que eu também estudo, oro, jejuo e peço orientação de Deus pra chegar à uma conclusão, sempre que o tema é complexo. Muitos pastores bons irão concordar, outros pastores ótimos irão discordar. Concordar ou não com um ponto de vista acerta de um tema como esse não muda em nada com relação à intimidade com Deus e não define grau de santidade de ninguém. É simplesmente uma opinião e uma linha de pensamento teológica. Como eu disse no texto: "O conhecimento nos liberta da ignorância. Estudem, leiam, sejam livres para dialogar um com o outro sobre esses assuntos e principalmente, aprofundem sua fé".

      Aceito perfeitamente críticas ao texto ou ao ponto de vista, mas por favor, falem isso mostrando em que parte a conclusão não está correta e não somente afirmando as convicções pessoais e citando textos fora de contextos. Desculpem se estou séria nas respostas. Eu gosto de ser fofa e simpática, mas esse é um tema que requer muita seriedade e meu "tom" está proporcional ao assunto abordado.

      Excluir
    8. Oi Carol veja esse video,acho que devemos conversar com o parceiro inclusive o risco que estamos correndo,pois envolve muito mais que prazer a dois,quando vi esse video fiquei pasma,pois nao sabia que era tao serio assim..bjs
      http://www.youtube.com/watch?v=2K-_IBVuj3k&feature=youtu.be

      Excluir
    9. Alguém só pode afirmar se uma laranja e doce ou azeda se experimentar,se você já teve alguma
      experiencia anal com seu conjugue e não gostou não quer dizer que a pratica não e prazerosa
      a bíblia não se intromete na intimidade do casal casado que somos nos para nos intrometer
      desfrutem de seus corpos e sejam muitíssimo felizes.

      Excluir
    10. Alguém só pode afirmar se uma laranja e doce ou azeda se experimentar,se você já teve alguma
      experiencia anal com seu conjugue e não gostou não quer dizer que a pratica não e prazerosa
      a bíblia não se intromete na intimidade do casal casado que somos nos para nos intrometer
      desfrutem de seus corpos e sejam muitíssimo felizes.

      Excluir
    11. Olha eu concordo com a anônima se o sexo oral n é condenado e já da prazer pra que serve o sexo anal?n entendo...isso são prática pecaminosa e isso fere o Espírito Santo.... Deus tenha misericórdia dessas pessoas q adoram viver na carne e n no Espírito...

      Excluir
    12. Se penetração normal já dá prazer, pra quê sexo oral também? Sara, tudo que acrescenta prazer na relação sexual, dentro do casamento e com consentimento dos dois, pode ser feito sem "pra quês". A relação sexual, em qualquer nível e em qualquer posição, é prática da carne!

      Excluir
    13. Karol, amei td o texto e suas inúmera tentativas de esclarecer para essas mulheres tantos pensamentos ignorantes. Porém, creio que tds que fazem taus afirmações sem base nenhuma, nem se quer chegaram a ler o texto. Têm mente formadas!

      Excluir
    14. Perca de tempo querer explicar algo pata pessoas com mentes formadas! Elas provavelmente nem leram o texto rsrs

      Excluir
    15. Muitos casamentos entre evangélicos acabam e sabe que na maioria das vezes é porque o sexonao satisfaz pelo menos uma das partes... Eu sempre tive vontade de fazer sexo anal,mas não sabia se a bíblia condenava , meu marido tvm sempre teve curiosidade ... Agora que sei que não é pecado se for consentido e cuidadoso vou fazer mesmo... E pra quem diz que não dah prazer pra mulher é pq nunca fez, se bobiar nunca teve nem um orgasmi!!!!

      Excluir
  6. O casal deve ter intimidade para conversar sobre sexo e definir o que é legal para os dois!
    Havia ficado com um ponto de interrogação depois de ler Casamento Blindado que é contra o sexo anal. Mas o ponto de vista que vc colocou é bem melhor, até mesmo pq se fizermos uma lista do que pode e do que não pode seremos legalistas, e tiraremos do Espírito Santo o papel de nos mostrar o que devemos ou não fazer

    ResponderExcluir
  7. Perfeito Karol... amei cada palavra escrita com muita sabedoria!
    Fiquei com vontade de responder a anônima aí em cima, mas... não vale, não vamos tirar a beleza do que vc escreveu!
    Abraços!

    ResponderExcluir
  8. Eu acredito de fato que se o casal assim o quer não há problema algum.adorei!

    ResponderExcluir
  9. parabéns, artigo bem escrito, esclarecedor. que o Senhor sempre abençoe muito a todas nós.
    abraços.

    ResponderExcluir
  10. oi Karol, como já disse no Face, repito aqui no Blog, "TUDO EM COMUM ACORDO COM SEU MARIDO".
    Concordo plenamente com tudo que vc escreveu, e nada melhor do que essa passagem da Bíblia que pra mim não precisa de mais nenhum pra explicar "As passagens do Novo Testamento que ensinam sobre o relacionamento sexual entre marido e esposa começam ou terminam com uma ordem de mutualidade. Cada um deles precisa ter suas necessidades satisfeitas, e isso significa que ambos devem descobrir o que é agradável para o outro."
    "A mulher não tem autoridade sobre o seu próprio corpo, mas sim o marido; e também da mesma sorte o marido não tem autoridade sobre o seu próprio corpo, mas sim a mulher."
    Na minha opnião não precisa de mais nenhuma explicação pra isso...

    obrigada pela Blog esclarecer assuntos que são ainda "TABUS" pra muitos.

    ResponderExcluir
  11. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  12. Muito bom o texto.
    Concordo plenamente com o que escreveu.

    Infelizmente,hoje as pessoas preferem ver sangue, morte e violência do que sexo.

    É triste.

    ResponderExcluir
  13. Karol uma sugestão
    você poderia comentar e esclarecer no seu Bolg o assunto que postou no seu Face sobre brinquedinhos sexuais (apetrechos de sex shop) dentro do casamento.
    seria um tema como esse de sexo oral e anal, bem "esclarecedor"!
    fica a dica!
    beijos e obrigada

    ResponderExcluir
  14. Oi Karol! Tb gostei do texto e concordo com seu ponto de vista.
    Olha só esse vídeo, não fala exatamente do mesmo assunto, mas fala sobre intimidade do casal sendo UM e a importância disso. Achei interessante como ele relacionou o sexo com a bíblia, mostrando que é algo que Deus criou para abençoar o homem, tirando aquela ideia errada que muitas pessoas tem ainda hoje de que sentir prazer no cônjuge não é algo santo etc. Deus abençoe a todas! Beijos Rebeca

    http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=pxPy7eAk0Uc#at=402

    ResponderExcluir
  15. Gostei, mas ainda restam dúvidas sim. As vezes a Bíblia é complexa para mim, isso de o casal escolher o que convir não me cai bem...mas também não tenho certeza de nada...simplesmente não tenho paz em sexo anal, sentiria Deus mais longe. Isso na minha vida, não generalizo. Creio que para tudo Deus tem a resposta sim, confesso que nunca falei com Ele sobre isso, mas nem preciso, sexo anal é algo em desalinho para mim. Mas creio que a coisa seja assim mesmo, para cada um Deus tem propósitos diferenciados, porém não cabe só a nós escolher, o casal de quiser fazer sexo anal precisa conversar com Deus antes de decidirem por si só, ninguém tem nada a ver com a vida de nnguem, mas Deus tem, qualquer decisão tomada em nossas vidas deve haver antes o aval do nosso Deus para que tenhamos paz e para que não venhamos a afastar o Espírito Santo de nós.

    ResponderExcluir
  16. Gostei, mas ainda restam dúvidas sim. As vezes a Bíblia é complexa para mim, isso de o casal escolher o que convir não me cai bem...mas também não tenho certeza de nada...simplesmente não tenho paz em sexo anal, sentiria Deus mais longe. Isso na minha vida, não generalizo. Creio que para tudo Deus tem a resposta sim, confesso que nunca falei com Ele sobre isso, mas nem preciso, sexo anal é algo em desalinho para mim. Mas creio que a coisa seja assim mesmo, para cada um Deus tem propósitos diferenciados, porém não cabe só a nós escolher, o casal de quiser fazer sexo anal precisa conversar com Deus antes de decidirem por si só, ninguém tem nada a ver com a vida de nnguem, mas Deus tem, qualquer decisão tomada em nossas vidas deve haver antes o aval do nosso Deus para que tenhamos paz e para que não venhamos a afastar o Espírito Santo de nós.

    ResponderExcluir
  17. Assista no youtube o video do pastor Claudio Duarte falando sobre esse assunto, a sexualidade do casal.

    ResponderExcluir
  18. Oi Karol! Muito obrigada pelo post corajoso :) Gostei do texto, principalmente da parte em que vc enfatiza a intimidade com Deus como resposta para essas questoes; e para todas as questoes da vida, essa e a melhor maneira de conhecer o plano de Deus para nos.
    Eu creio que o nosso corpo pertence ao nosso marido e o dele a nos, como a Biblia diz em I Corintios 7, entretanto, mais do que pertencer ao marido e vice versa, o nosso corpo e o templo do Espirito Santo (I Corintios 6:19 - todo o capitulo e excelente). Porque estamos ligados em matrimonio, acredito que muitas vezes pensamos que podemos fazer qualquer coisa que a nossa natureza corrompida pelo pecado(as coisas que assistimos e lemos muitas vezes contribui) chame de "prazer". Entre marido e mulher dentro de quatro paredes, temos que lembrar que o nosso chamado maior e para honrar e servir a Deus antes de servir e honrar nossa propria vontade. E isso NAO e porque o Senhor nos priva do prazer, mas para que sejamos protegidos de todo mal e degeneracao causados pelo pecado, e pela desobediencia. Deus nos deu o prazer, nos deu o sexo para ser usufruido de forma saudavel, para aproximar o casal, para abrilhantar e enriquecer o casamento. Sexo e um presente divino. Entretanto, qualquer coisa que comprometa a nossa saude, machuque o nosso corpo ou seja profano (filmes pornograficos, por exemplo) NAO e aprovado por Deus, MESMO que o casal concorde. Nos, homens e mulheres, mais do que oferecer prazer ao seu conjuge devemos honrar ao Senhor, principalmente no casamento, entre quatro paredes. O matrimonio, o sexo, o prazer sao presentes maravilhosos do Senhor, e quando honramos a Deus ate mesmo neste ponto as bencaos no lar sao inimaginaveis.
    “Tudo me é permitido”, mas nem tudo convém. “Tudo me é permitido”, mas eu não deixarei que nada me domine. I Corintios 6:12
    Esse blog e um ministerio, Karol e Cayo! Obrigada por ajudar e inspirar tantos casais a viver o plano maravilhoso de Deus para o matrimonio de forma completa!
    Que o Senhor continue a abencoar o lar de todas vcs. Que Ele conceda os desejos do seu coracao! beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não entendi? Se Deus que é Deus não proíbe em momento algum, pq vc acha que é errado e desonroso? A bíblia não fala de partes do corpo e TODO nosso corpo é santo. Se é pra "honrar" então como a irmã falou, então deixemos todos de praticar o sexo oral, pois estudos recentes comprovam que o mesmo causa câncer de garganta. Nosso corpo não deixará de ser templo do Espírito Santo se tivermos uma relação sexual em comum acordo com nosso conjugue da forma que acharmos melhor e que satisfaça a ambos. Deixemos essa história chata de que "Deus criou todo o corpo, o diabo criou o ânus.", francamente... Tenhamos mais sabedoria e discernimento como a irmã desta matéria teve ao nos dar um esclarecimento bem claro por intermédio das escrituras ao invés de impor nossos achismos.

      Excluir
  19. Oi Karol hoje que conheci seu blog e estou seguindo !!! Vc é de Muriaé ??? Eu moro em Muriaé e lendo um posto ou outro , fiquei na dúvida rs ! Será que te conheço ?
    Estou amando tudo e já está favoritado rs

    Beijos !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Nati, eu sou de Brasília, mas já moro algum tempo em Muriaé. Não sei se me conhece, rs. Me add lá no face! =) Beijinho.

      Excluir
  20. Descobri o blog há pouco tempo,e acho bacana os posts, esse é bem polêmico, mas que sou uma pessoa cristã, leio frequentemente a biblia, e vejo que as pessoas sempre leem cantares de salomão no sentido material e todas as vezes que li que ouvi essa passagem ela se trata do sentido espiritual a esposa (igreja) com o amado o senhor Jesus. Lendo dessa forma percebemos muito principalmente na parte que ela procura o amado e não encontra, ele bate e ela não o deixa entrar.Entendo muito sobre questões que as vezes estamos dispersos, o Senhor se aproxima e não nos atentamos, depois saimos a procurar pelo amado (procurar salvação, libertação e amor divino).
    Bom isso é uma interpretação, cada uma faz da forma que achar melhor seu entendimento. Mas referente ao assunto intimidade de casal, acredito que tudo que é fora do ato que geraria um filho é sim profano, acredito que amor e o prazer deva estar dentro da regularidade e não de mil e uma formas e coisas que podem ou não aumentar a satisfação. Isso são coisas criadas para desvirtuar-nos do amor sincero esse quando forte acredito ser a nossa maior satisfação. Ana

    ResponderExcluir
  21. Respeito a opinião de todos, mais acredito que o amor ele não trás dor e também temos que pensar nos danos que causa a mulher, mais pra quem gosta se a bíblia não condena que sejam felizes.

    ResponderExcluir
  22. O ser humano sempre procura discussões para ter mais liberdade pra fazerem o que querem. E essa liberdade o ser humano já tem, Deus deixou o livro arbítrio para todos os seres, cabe agora seguirem um dos dois caminhos. Se optarem pelo caminho mais largo, não precisarão ter uma responsabilidade sobre assunto algum, tudo pra ele nesse caminho '' PODE ''. Agora, se a opção for o caminho estreito, implicará em várias responsabilidades e compromissos com a trindade ( Pai, Filho e Espirito Santo), e sabemos que quem habita em nós é o Espirito Santo, pois somos templo e morada dEle, e o Espirito Santo é sensível. Então minha opinião é: Quando Deus fez o homem e a mulher foi ele mesmo quem criou o sexo, pois ele fez macho e fêmea, juntamente com seus devidos órgãos sexuais, para mulher Deus deu a ela a vagina, e ao homem o pênis, ambos para se unirem através desses órgãos, e esses dois órgãos foram criados para o ato sexual e propagação da humanidade. O ânus Deus deu tanto para o homem quanto para mulher, os dois possuem esse órgão, e não se diferenciam um do outro, em ambos os sexos ele tem a mesma função, que é eliminar as fezes. Se usarmos o conceito de que o homem tem o poder sobre o corpo da mulher, e a mulher o poder sobre o corpo do homem, para discutir esse assunto sobre sexo anal, então conclui-se que: se o homem e a mulher em comum acordo, decidirem que permitido a penetração do pênis no ânus da mulher, ele estará exercendo o poder no corpo da mulher. Entretanto, temos o outro lado da moeda, que a mulher também tem o poder sobre o corpo do homem. E se ela tem uma fantasia na qual ela seja a ativa, ou seja ( fazer o papel do homem), e penetrar o ânus do homem, pois ela também teria esse poder, certo? Então para mim, esse conceito se for ser usado, é para os dois lados. Esses ''tabus'' (como são tratados), só está servindo para colocar práticas mundanas no meio do povo de Deus. Se o povo de Deus continuar assim, nesse tipo de discussão, mais tarde estarão discutindo que, se em comum acordo o casal aceitar trazer outra pessoa para participar da relação sexual deles, não será pecado e nem traição pois foi de comum acordo, então Deus não condena já que foi em '' COMUM ACORDO ''. Na minha opinião Deus colocou limites para o ser humano, e o ser humano como sempre quer ultrapassar esses limites, e o povo de Deus deve ser um povo separado, zeloso, de boa obras, irrepreensíveis, maridos de uma só mulher, justo, santo, não dado ao vinho, retendo a firme e fiel palavra de Deus.
    Se em comum acordo, o casal for aceitando essas práticas, aos poucos irão deixando o caminho mais largo, e se aproximando do pecado. Então escolham o caminho em comum acordo com seu cônjuge.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O homem tem próstata e a mulher nao. O prazer esta no cérebro,a vagina tem como função eliminar sangue e urina.
      Sao muitas as contradiçoes de seu texto. Paz.

      Excluir
    2. Minha mulher colocou na cabeça q é pecado mais nao me prova na biblia gostaria mais ela nao aceita

      Excluir
  23. Só “deixar o uso natural, contrário à natureza”, pra mim já explica mto bem que não se deve fazer sexo anal. Se vc precisa de um artificio pra modificar a natureza de uma parte do corpo já significa que fazer sexo anal é contrária à natureza do corpo humano que Deus criou, já fere o templo do espirito santo. Pesquisas cientificas tb mostram que o contato com o esperma ou a secreção vaginal pode trazer doenças como a sífilis. Ser cristão é estar conectada aos ensinamentos divinos, mas não aliena ninguém do conhecimento em outras áreas, contanto que não fira os ensinamentos do Mestre. Encontrei esse vídeo muito bom sobre como fazer sexo anal é "contrário a natureza". E sou sincera em falar que gostei mto do sexo anal, mas acredito tb que "o coração do homem é enganoso". Quem me ajuda a sentir e amar é Deus. A seguir está o endereço do vídeo: https://www.youtube.com/watch?v=RA5FS7j6JvM

    ResponderExcluir
  24. tu ja deve ta indo pro infor por outras coisass. nao é xupando uma xaninha que vai fazer diferença :P

    ResponderExcluir
  25. formicação; ato ou feito de fornicar, sexo ilícito; relação sexual entre pessoas solteiras; qualquer prática sexual consumada sem a proteção legal e espiritual do casamento é uma fornicação.

    ResponderExcluir
  26. Tudo o que é parte da criação serve a um propósito. A exposição da Paula Santos, para mim foi perfeita.O ser humano está sempre em busca de justificativas e embasamentos, na sua maioria distorcidos, para aprovarem suas práticas e difundi-las como aprovadas por Deus, porque claro, se Deus não condena é porque aprova. A própria Karol, em suas "argumentações", aponta os males que a prática sexual abordada causam. Isso simplesmente porque o ânus não foi feito para o fim defendido pela autora do texto.

    ResponderExcluir
  27. Tudo o que é parte da criação de Deus tem propósitos definidos. Agora, o que o homem inventa tem fins voltados para o seu bel prazer. A Paula Santos, para mim, foi perfeita em suas colocações. É tão simples entender que o ânus, que O Criador colocou no homem e na mulher, foi feito para a saída das fezes, e quem o usa para ter relação sexual está sendo contrário a natureza, que foi criada por Deus, então você está suscetível àqueles "probleminhas" que a própria autora e defensora da questão, ela mesma diz em suas argumentações. A própria autora menciona o versículo que para mim é tão claro. Ora, se todas as coisas me são lícitas mas nem todas elas me convém, presumo que se não me convém é porque meu PAI não aprova.

    ResponderExcluir
  28. Interessante como a autora aprova e expõe comentários com vocabulário mundano, vulgar.

    ResponderExcluir
  29. o câo naum transa anal com a cadela

    ResponderExcluir
  30. André disse:

    O problema do protestante é querer explicar tudo pela Bíblia.
    A própria Bíblia atesta que Jesus disse e fez muitas outras coisas as quais não foram escritas.

    A Bíblia não poderia prever todos os assuntos até porque foi finalizada cerca de 1.700 anos atrás.
    A Bíblia não ensina a votar, não ensina a escolher o sistema político e/ou econômico, bem como não ensina a escolher colégio para os filhos ou como investir seu dinheiro ou como escolher um emprego ou empregados, etc...

    Nos temas atuais como uso de contraceptivos, fertilização artificial ou células tronco, é óbvio que a Bíblia não faz referência alguma.

    Como pode a humanidade ser instruída no decorrer dos séculos SEM SE PERDER, se a Bíblia não pode receber acréscimos ?
    Ora, a própria Bíblia explica.

    "...a Igreja de Deus vivo, coluna e sustentáculo da verdade”. (1Tm 3,15)

    Igreja no singular. A igreja e não as igrejas no plural.

    É evidente que esta igreja não pode ser a igreja do malafaia ou a igreja do macedo ou qualquer igreja protestante surgida no mundo 1.500 anos atrás ou menos e 1.200 anos ou mais depois da Biblia.

    Outro problema do protestante é querer interpretar a Bíblia quando a própria Bíblia o proíbe de faze-lo, se não vejamos:

    Antes de mais nada, saibam que nenhuma profecia da Escritura provém de interpretação pessoal,
    2 Pedro 1:20

    Recordo que toda a Bíblia é um livro profético.

    Ora, se ninguém pode interpretar a Bíblia particularmente, e, se apenas a Igreja é coluna e sustentáculo da verdade, por que procuram na Bíblia respostas para tudo ?

    Se a Bíblia tivesse resposta para tudo Jesus não tinha instituído a Igreja e tampouco seria necessário o Espírito Santo.

    O Espírito Santo veio justamente para instruir a Igreja que por sua vez tem obrigação de ser a mestra da civilização.

    Do contrário, bastava ler a Bíblia para se ter todas as respostas.

    E nem teríamos divergências e nem mesmo 60.000 igrejas divergentes entre si.

    Quando foi que Jesus disse SÓ A BÍBLIA ?
    Ou quando foi que Jesus disse LEIAM A BÍBLIA ?

    Pelo contrário, Jesus condenou aqueles que julgavam ter vida eterna porque supostamente conheciam as Escrituras.

    Os peritos e doutores da época não perceberam que o Senhor da Glória já tinha vindo para eles.

    A Bíblia diz que a fé vem pelo ouvir.

    Quem quiser que a fé venha pela leitura acabará se deparando com pérolas como aquela que produziu Silas Malafaia ao dizer que as práticas do sexo oral e sexo anal devem ser convencionadas entre marido e mulher.

    Acima de qualquer coisa, encontra-se o ordenamento natural pré definido pelo Altíssimo DEUS.

    O homem não tem o direito de afrontar a natureza criada por DEUS e ordenamento social.

    O sexo deve servir ao amor e a procriação.

    A dignidade dos conjuges deve ser preservada.

    Amor cristão não procura seu próprio benefício.

    Amor cristão procura primeiro o bem do próximo.

    Servir e não ser servido.

    Lícito é o sexo aberto para a vida.

    E aberto para vida exclui penis e anus, penis e boca, penis e mão, vagina e mão, dois penis ou duas vaginas.

    Sexo aberto a procriação e ao amor é penis e vagina tão e somente.

    Quem tem ouvidos que ouça.

    Sem santidade ninguém verá a DEUS.

    Naqueles que esperam ter na Bíblia resposta para tudo e ainda pretendem ensinar, aplicam-se as palavras de Jesus:

    "Cegos guiando cegos."


    Por tudo isto se diz: "'Extra Ecclesiam nulla salus(Fora da Igreja não há salvação)"

    Santo Agostinho:


    “Fora da Igreja é possível tudo, exceto a salvação. É possível ter honras, é possível ter sacramentos, é possível cantar aleluias, é possível responder amém, é possível possuir o Evangelho, é possível ter fé no nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo, é possível pregar; mas em nenhum lugar senão na Igreja Católica, é possível encontrar a salvação”.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bebel:

      O ato sexual Conjugal possui dois objetivos: Unitivo E Procriativo

      “Sede fecundos, multiplicai-vos, enchei a terra e submetei-a” (Gênesis 1, 28).

      A relação sexual, em primeiro lugar, assume sua função unitiva, deve ser fonte de união dos esposos.

      Em segundo lugar, a relação sexual do casal foi instituída por Deus a fim de assumir sua função procriadora.

      Deus, com a participação do casal, tece a nova vida que está por vir. “Fostes vós que me plasmastes as entranhas de meu corpo, vós me tecestes no seio de minha mãe” Salmo 138, 13

      João Paulo II nos diz em Puebla que a família é uma aliança de pessoas à qual se chega por vocação amorosa do Pai, que convida os esposos a uma íntima comunidade de vida e de amor, cujo modelo é o amor de Cristo por sua Igreja.

      O casal santificado pelo Sacramento do Matrimônio é um testemunho da presença pascal do Senhor. Nele, a família se ama, discute a vida, os afazeres, se prepara para assumir a responsabilidade de pais, da educação dos filhos, dos problemas domésticos.

      Agora se tem um pastor idiota que diz que tudo é lícito, então a este falso "ungido" e seus seguidores aplica-se a máxima:

      "Não entra no reino e não deixa que outros entrem."

      Excluir
  31. Essa anônima desconhece a biologia e anatomia dos seres vivos, por isso interpreta essa frase com pouca sabedoria. Uma cadela possui um canal para excretar e outra para o coito. Se existir essa passagem a qual desconheço está se referindo à brutalidade do ato e não à posição sexual.
    Conhecimento minimalista dessa anônima.

    ResponderExcluir
  32. S. Tomás de Aquino (1225-1274) pode-se pecar pela luxúria de dois modos:

    Primeiro, de um modo que contraria a reta razão, como é o caso da fornicação, do adultério, do incesto, etc…

    Segundo, de um modo que, além disso, contraria a própria ordem natural do ato venéreo que convém à espécie humana.

    É o que constitui o vício contra a natureza.
    (Cf. Suma Teológica, II-II; Questão 154, artigo 11; Corpo).

    Tal vício inclui a (própria) masturbação, a bestialidade (conjunção carnal com animais), o homossexualismo (conjunção carnal entre duas pessoas do mesmo sexo), e a prática antinatural do coito, ainda que realizada entre pessoas de sexo oposto e até mesmo casadas (o chamado sexo “oral” ou “anal”, por exemplo).

    ResponderExcluir
  33. http://www.youtube.com/watch?v=G1rtzQZ6DyY

    Vale a pena assistir este video, esclarece totalmente sobre a prática do sexo anal.

    ResponderExcluir
  34. Gostei mto do texto... estava com muitas duvidas sobre esse assunto, e vc (escritora) q tenho certeza q foi usada por Deus me ajudou mto...

    ResponderExcluir
  35. Tbm gostei muito do texto, queria fazer umq pergunta se masturba e pecado?

    ResponderExcluir
  36. Oi! Realmente tudo provem da consciência de cada pessoa, se vc faz com o seu cônjuge e depois a sua consciência lhe acusar então é pecado ( ERRADO) mais se vc sentir q a sua consciência não lhe acusa em então fica na paz.

    ResponderExcluir
  37. Oi!! Eu tive alguns problemas com essa prática de sexo. Antes de aceitar a Jesus com meu Unico e Suficiente Salvador eu praticava sexo anal com a minha ex-namorada e muita das vezes era muito constrangedor porque saia fezes no penis causando muito mau cheiro. Com o passar do tempo comecei a sentir dores quando ejaculava, procurei um medico e constatou que eu estava com prostatite(DETALHE:tive que fazer o exame de próstata com 21 anos de idade) devido o meu sistema urinário estava cheio de bactérias que se encontram nas fezes causando também queda de cabelo e infertilidade, tive que tomar vários remédios fortíssimos durante 1 ano e meio porque quase virou um câncer de próstata.
    NÃO TEM COMO DEUS SE AGRADAR DESSA PRATICA, POIS SE O SEXO ANAL CAUSA MAU A SAÚDE NÃO ME CONVÊM. O ANUS É UM ÓRGÃO EXCRETOR NÃO FOI FEITO PARA O SEXO!!!!

    "Ou não sabeis que o vosso corpo é o templo do Espírito Santo, que habita em vós, proveniente de Deus, e que não sois de vós mesmos?
    Porque fostes comprados por bom preço; glorificai, pois, a Deus no vosso corpo, e no vosso espírito, os quais pertencem a Deus".1 Coríntios 6:19-20

    "Todas as coisas me são lícitas, mas nem todas as coisas convêm; todas as coisas me são lícitas, mas nem todas as coisas edificam."1 Coríntios 10:23

    O sexo foi criado por Deus e quando um homem e uma mulher (casados) estão fazendo sexo Deus está presente tornando os dois uma só carne.
    Hoje sou casado e não pratico sexo anal com minha esposa, porque Jesus me libertou para gloria em Honra do Senhor.
    Mesmo quando eu estava doente sabendo que fazia mal para saúde eu ainda queria fazer sexo anal com outras mulheres, porque é bom fazer sexo anal, porque pecado é muito bom, se o pecado fosse ruim ninguém pecava o problema é o salario do pecado.
    "Porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna, por Cristo Jesus nosso Senhor. "Romanos 6:23

    Por isso eu falo que fui liberto dessa pratica.

    ResponderExcluir
  38. Oi!! Eu tive alguns problemas com essa prática de sexo. Antes de aceitar a Jesus com meu Unico e Suficiente Salvador eu praticava sexo anal com a minha ex-namorada e muita das vezes era muito constrangedor porque saia fezes no penis causando muito mau cheiro. Com o passar do tempo comecei a sentir dores quando ejaculava, procurei um medico e constatou que eu estava com prostatite(DETALHE:tive que fazer o exame de próstata com 21 anos de idade) devido o meu sistema urinário estava cheio de bactérias que se encontram nas fezes causando também queda de cabelo e infertilidade, tive que tomar vários remédios fortíssimos durante 1 ano e meio porque quase virou um câncer de próstata.
    NÃO TEM COMO DEUS SE AGRADAR DESSA PRATICA, POIS SE O SEXO ANAL CAUSA MAU A SAÚDE NÃO ME CONVÊM. O ANUS É UM ÓRGÃO EXCRETOR NÃO FOI FEITO PARA O SEXO!!!!

    "Ou não sabeis que o vosso corpo é o templo do Espírito Santo, que habita em vós, proveniente de Deus, e que não sois de vós mesmos?
    Porque fostes comprados por bom preço; glorificai, pois, a Deus no vosso corpo, e no vosso espírito, os quais pertencem a Deus".1 Coríntios 6:19-20

    "Todas as coisas me são lícitas, mas nem todas as coisas convêm; todas as coisas me são lícitas, mas nem todas as coisas edificam."1 Coríntios 10:23

    O sexo foi criado por Deus e quando um homem e uma mulher (casados) estão fazendo sexo Deus está presente tornando os dois uma só carne.
    Hoje sou casado e não pratico sexo anal com minha esposa, porque Jesus me libertou para gloria em Honra do Senhor.
    Mesmo quando eu estava doente sabendo que fazia mal para saúde eu ainda queria fazer sexo anal com outras mulheres, porque é bom fazer sexo anal, porque pecado é muito bom, se o pecado fosse ruim ninguém pecava o problema é o salario do pecado.
    "Porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna, por Cristo Jesus nosso Senhor. "Romanos 6:23

    Por isso eu falo que fui liberto dessa pratica.

    ResponderExcluir
  39. Se no comentario acima diz que nao devemos usufruir da mulher como os caes eu pergunto. Quando vc viu um cao fazendo sexo anal com uma cadela..? Portanto quando a palavra de DEUS assim diz nos mostra que devemos sim termos vontades mutua. Porque o cao idependente se a cadela o quer ou nao ele a possui o q nesta pratica comparada e errada diante de DEUS. Desculpem o portugues...

    ResponderExcluir
  40. namorei durante 2 anos e fiz sexo anal agora estou casada.a 3 anos so tive esse tipo de relacao no primeiro ano agora nao acho certo me sinto suja meu marido quer e sempre brigamos por isso o q devo fazer?

    ResponderExcluir
  41. Atentem para esse verso:
    "Por causa disso, os entregou Deus a paixões infames; porque até as mulheres mudaram o modo natural de suas relações íntimas por outro contrário à natureza" Romanos 1:26

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente, elas passaram a ter relações sexuais com outras mulheres! Esse é o sentido. Não tem nada a ver com sexo anal esse versículo entre um homem e uma mulher.

      Excluir
    2. Então pergunto e pecado o swing se ambos estão de acordo

      Excluir
    3. Então pergunto e pecado o swing se ambos estão de acordo

      Excluir
    4. E pecado ir no swing se ambos está de acordo

      Excluir
    5. O que está em debate aqui é a prática do sexo, dentro da aliança do casamento, entre quatro paredes. Uma terceira pessoa não está dentro da aliança do casamento.

      Excluir
  42. Texto muito bom Karol...quando me perguntam sobre esse assunto eu sempre cito uma pregação do Pr. Claudio Duarte que diz que quando homem e mulher começam o ato sexual o corpo todo se prepara para esse momento, o pênis fica ereto e a vagina se lubrifica, mas o ânus continua na mesma, não acontece nada...então ao meu ver (e isso é acordo entre meu marido e eu), é um ato errado...mas como você disse, se os dois gostam, quem somos nós para julgar. O que nós temos que fazer é orar e pedir diante de Deus que nos mostre a verdade.

    ResponderExcluir
  43. Anônimo 03 de maio de 2015
    Se o ânus foi feito somente para necessidade fisiológica. Então deveríamos pensar da mesma forma em relação a vagina, só deveríamos fazer sexo quando fôssemos pra gerar filho; pois é por ela que sai a menstruação. Ou estou errado.
    Sei que tanto a pratica do sexo pela vagina ou ânus, ambas devem ser com higiene,para evitarmos doença. Para quem gosta e estando ambos em comum acordo.Que façam,porque não há nada melhor numa relação, que ter uma mulher que se entrega de corpo e alma para o homem.

    ResponderExcluir
  44. Karol

    Sei que este post é antigo, mas vi que realmente vc se empenha em responder suas leitoras.

    Gostaria de saber sua opinião sobre o namoro santo. Vc viveu isso? O que acha a respeito?

    Eu sigo a igreja, estou noiva, quero muito viver um namoro santo, rezo muito inclusive para Deus me orientar e tirar de nos as vontades que não são de seu agrado, mas acho taaaaaooo dificil... somos humanos, somos feito para procriar, nossos corpos só de estarem unidos já dá "os sinais" e realmente vejo como é dificil, e sei que muitos como eu tem essa mesma duvida. Nao quero satisfazer meus desejos e sim os de Deus... acompanho seu blog desde sempre, e quero viver no caminho do Senhor porisso me espelho em vcs que são um casal jovem e dão sempre dicas que edificam.

    Me ajude por favor.

    Agradeço desde já... obrigada e que Deus te abençoe cada dia mais, sou sua fã.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. oi minha querida, não sou a Karol rsrsrsrs mas acho que esse vídeo da Fabíola Melo pode te ajudar a esclarecer sua dúvida ;)

      https://www.youtube.com/watch?v=aWn1b1m-Oe8

      Excluir
  45. Há muita dúvida sobre o sexo anal entre home e mulher.
    A Bíblia não dá um ponto a rigor sobre o sexo anal.
    Por ex: capítulo e versículo - ou livros bíblicos.
    Assim, o povo fica indeciso.
    Sei que o amor é fundamental entre o casal, mas é preciso que os dois estejam de acordo em praticar o sexo anal, você não acha?
    Fica a dúvida.

    ResponderExcluir
  46. Engraçado, condenam tanto o homossexualismo, mas querem realizar a prática (SODOMIA) sem dor na consciência buscando respaldo biblico, ou seja, homossexual não pode nada, heterossexual pode tudo... Isso tá certo???

    ResponderExcluir
  47. O nosso corpo e templo do ESPIRITO SANTO DEDEUS simplesmente ridículo isso estamos mesmo nos fins dos tempos a maioria dos cristão estão pior do que quem não serve a DEUSe pensa que vão pro céu DEUS é SANTO e qe temos que a cada dia nos satificarmos mais procurando fazer a vontade de DEUS o diabo estacegando o entendimento dos cristão e isso UE ele quer SE CONVERTA em quanto é TEMPO

    ResponderExcluir
  48. Cadê meu comentário que acabei de postar

    ResponderExcluir
  49. Misericórdia Senhor! Estamos nos dos tempos. A bíblia tem resposta para tudo. Romanos 1:24 e 26 : “Pelo que também Deus os entregou às concupiscências de seus corações, à imundícia, para desonrarem seus corpos entre si. Pelo que Deus os abandonou às paixões infames. Porque até as suas mulheres mudaram ao uso natural, no contrário à natureza.”
    Não faça nada com dúvida, pois torna-se pecado.

    ResponderExcluir
  50. Sexo oral e anal ( implantado por Satanás ) são relações antifisiológicas, portanto contrárias a Deus.

    ResponderExcluir
  51. Gostaria de saber algo que tem a ver com o tema, mas que não foi abordado. O homem, por ter a próstata, pode até ejacular com a relação anal, além de sentir prazer ainda que não ejacule. Caso o casal decida, com consentimento mútuo, de à mulher fazer a massagem na próstata do homem, isso seria errado?

    ResponderExcluir
  52. acho que Deus criou o casamento para a compleição sexual entre os dois homem e mulher e se são abençoados pelo casamento é direito de cada um marido e esposa fazerem de seus corpos o que quizerem fazer ...porque há regras pra tudo menos para o amor ...principalmente um amor verdadeiro sem traições sem egoismo ....sómente o ato de amar verdadeiramente ....Deus disse seja o corpo do homem para a sua mulher e o corpo da sua mulher ao seu esposo !!!!! pronto estão sobre a benção de Deus ....porque o casamento já tá tão dificil com tantos problemas que vivenciamos dia a dia ....a união do casal é maravilhoso isso nada interferem na sua fé e na criações dos filhos emfim sejam felizes e se completem como um casal deve ser feliz livre de preconceitos de um para o outro lógico com a higiene e cuidados devidos ...que todos nós devemos ter com nossos corpos ...há e lógico nunca julgarmos a ninguém porque Deus nos deu o livre arbritrio foi pra isso decidirmos o que fazer ...principalmente em nossos casamentos !!!! que Paz do Senhor esteja por todos os lares e que todos as bençãos esteja sobre os casados que com a graça de Deus se uniram e formam as familias unidas amém!!!!!

    ResponderExcluir
  53. Olá Karol,
    Vamos refletir: A união entre homossexuais, explicitada e justificada por você em tradução bíblica de 1COR 6-9, acredito que não se justifica quando fazemos a leitura bíblica em Romanos 1 18:32 especialmente o descrito nos versículos 25, 26 e 27, pois o entendimento que temos geneticamente, biologicamente e naturalmente falando, que os órgãos sexuais que distinguem os seres humanos, homens e mulheres, criados por Deus, são o Pênis e a Vagina. Portanto o estudo deve levar em consideração todas as passagens e textos Bíblicos. Em Efésios 5 1:10 bem está escrito, O fruto da Luz e as Obras das trevas, dê atenção especial aos versículos 9, 10 e 11. E para finalizar, conforme você explica sob o ponto de vista fisiológico, os médicos dizem que causam efeitos negativos no corpo e acredito que Deus projetou isto para a nossa vida.

    ResponderExcluir
  54. Olá Karol,
    Vamos refletir: A união entre homossexuais, explicitada e justificada por você em tradução bíblica de 1COR 6-9, acredito que não se justifica quando fazemos a leitura bíblica em Romanos 1 18:32 especialmente o descrito nos versículos 25, 26 e 27, pois o entendimento que temos geneticamente, biologicamente e naturalmente falando, que os órgãos sexuais que distinguem os seres humanos, homens e mulheres, criados por Deus, são o Pênis e a Vagina. Portanto o estudo deve levar em consideração todas as passagens e textos Bíblicos. Em Efésios 5 1:10 bem está escrito, O fruto da Luz e as Obras das trevas, dê atenção especial aos versículos 9, 10 e 11. E para finalizar, conforme você explica sob o ponto de vista fisiológico, os médicos dizem que causam efeitos negativos no corpo e acredito que Deus projetou isto para a nossa vida.

    ResponderExcluir
  55. Excelente texto.
    Parabéns!
    Karol, seu estudo foi profundo e suas respostas absolutamente sensatas.
    A maior oposição que li até agora nos comentários se assemelha a uma certa idolatria: idolatria aos costumes e idolatria à própria opinião.
    Como pregadores deveríamos lembrar de Apocalipse:
    Apocalipse: 22. 19. e se alguém tirar qualquer coisa das palavras do livro desta profecia, Deus lhe tirará a sua parte da árvore da vida, e da cidade santa, que estão descritas neste livro. - Bíblia JFA Offline
    A Karol teve esse cuidado e se houver erro certamente não foi por mera "opinião" nem intencional.
    Mais uma vez, parabéns

    ResponderExcluir
  56. Nossa muito bom, mais achei que não ia terminar de ler mais rs..
    Muito esclarecedor.

    ResponderExcluir
  57. Agora vejo quantos casamentos cristão estão frustrado em questão sexual.
    Não pode um monte de coisa para certas irmãs! Acho que não pode nem gemer pq ja é pecado. Credo, qie isso? Que casamento é esse que não pode desfrutar do prazer? Não somos bixos que serve só para reproduzir, somos seres humanos que é feliz ao sentir prazer e que se sinte realizada com o seu parceiro. Então para que serve o sexo se não for para dar prazer para ambos as partes? Parece algo mecanico. Concordo que havendo co corcordancia entre o casal tudo pode, pois havera respeito. E se a.mulher gosta do sexo anal que faça e seje feliz, pq sexo vaginal as vezes machuca o colo do ultero da mulher quando é muito pequeno o comprimento,e isso é pecado? São consequencias, mas que decide é o casal.

    ResponderExcluir
  58. Karol esse texto me ajudou muito... Obrigada!!!!

    ResponderExcluir
  59. Inversão de papeis entre casaus casados é pecado?

    ResponderExcluir
  60. Que coisa, hein? Quanta gente crente gostando de dá o rabo. Quem diria. Pelo que entendi, a biblia aprova o sexo oral e reprova o sexo anal. Mesmo assim ficam arrumando desculpas para justificarem suas vontandes carnais. E o pior. Todos tentando dá um nó na biblia. Coisa feia!!! Vão evangelizar que vcs ganham mais!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lea m s feitosa e isso Ai se todo mundo fosse ler a biblia e orar já tinha a resposta

      Excluir
  61. Pecado , o escambau... eu e minha mulher fazemos anal há 25 anos( vinte e cinco anos),ela exige que goze dentro. Já fizemos mais de duas mil(duas mil vezes), e elea adora. O cuzinho está sempre querendo mais. é eu e ela , ela e eu. Nós nos amamos demais.

    ResponderExcluir
  62. CONHEÇO UMA CASAL, EM QUE A MULHER TINHA DE IR AO MÉDICO DUAS VEZES POR MES, PORQUE O MARIDO TINHA E TÊM UM PENIS GROSSO E LONGO, E FERRAVA A VAGINA DA ESPOSA. NÃO DÁ NÉ. ELA DEVERIA, FAZER ORAL, OU TENTAR ANAL..

    ResponderExcluir
  63. Eu, Edi, faço anal duas vezes por semana com meu marido. Adoro quando ele ejacula dentro e bem no fundo. É o ápice, é lindo... a gente se ama demais, e fazemos de tudo, há mais de 25(vinte e cinco anos).

    ResponderExcluir
  64. A LEITOR, KILDARE PEREIRA, FALOU QUE SÃO IDÉIAS E PRÁTICAS IMPLANTADAS PELO SATÃ. PLANTADOS PELO SATÃ, SÃO OS BANDIDOS, ASSASSINOS, PEDÓFILOS, TRAFICANTES E OUTROS FILHOS DA PUTA MAIS POR AI. E AINDA TÊM GENTE QUE OS DEFENDE...

    ResponderExcluir
  65. EU, "ED"-TENHO MAIS DE 150 AMIGAS QUE FAZEM SEXO ANAL COM SEUS MARIDOS, E SÃO FELIZES...

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre muito bem-vindo!

#CDCMovies A Boa de Domingo Adesivos Almofadas Amarelo Aparadores Artesanato Augustinho Autoestima Azul Banheiras Banheiros Bege Bijoux Branco Cabelo Casa de Celebridade Casamento Casas Espetaculares Chá de Bebê Chá de Panela Ciúme Closet Coisa de Casado Coisas para Bebês Como agradar o Marido Comportamento Construindo a nossa casa Convite Cores Cortinas Cozinha Divertida Cozinhas Criado-Mudo Curando as Enfermidades do Casamento Curiosidade Decoração Decoração Teen Decupagem Desafio Dia 12 Dia dos Namorados Dia-a-dia-da-Karol Dicas de Beleza Dinheiro Divórcio Dourado Esmalte da Semana Espelhos Estampas Eu indico esse DVD Eu indico esse Livro Faça Você Mesmo Família Festas Fotografia Fotos com Marido Fugindo das Tentações Galochas Girafa Gravidez Home Office Hotéis Iluminação Instas da Semana Karol Ferro Collection Laços Laranjado Lembrancinha Leona Lilás Look do dia Low Carb Luminárias Mãe Maquiagem Marrom Melhore seu Casamento Melissa Mesa Posta Mesas Moda Momento Fofo Do Dia Natal Noivinhos Novidades Objetos Decorativos Organização Panelas Papel Contact Papel de Parede Papo de Amiga Parabéns Marido Paredes Patchwork Paz no Rio Pedidos de Casamento Penteadeiras Pérolas Bíblicas para o seu Casamento Pet Pisos e Revestimentos Pr. Áquila Cabral Prateleiras Prateleleiras Presente Preto Produtos e Marcas Publipost Pulseiras Quadros Quarto de Bebê Quarto de Casal Quarto de Irmãos Quarto de Menina Quarto de Menino Quarto de Solteiro Rapidinhas Receitas Reciclagem Rede Reflexão Relacionamento Renda Extra Rosa Saiu na Fanpage do CDC Sala Sala de Jantar Salas Sapatos Selinho Sexo Sofás Sogra Sorteio Spray Tapetes Turquesa Utilidades Domésticas Verde Vermelho Viagem Vídeo Vintage Votos do Altar